Blog

Como (realmente) mudar a sua vida este ano
  • Artigo publicado em:
  • Autor do artigo:Equipe Allcatrazes
  • Tag do artigo:Rotina Atenta
  • Contagem de comentários do artigo: 0
Como (realmente) mudar a sua vida este ano
Um convite ao autoconhecimento | Por Gabriela Muller Às vezes, sentimos um desejo incontrolável de mudar nossas vidas. Queremos alterar nossos relacionamentos, corpos, rendas e até mesmo o mundo ao nosso redor. Parece fácil identificar o que está errado do lado de fora e culpar essas circunstâncias pelos sentimentos internos de insatisfação. Acreditamos ingenuamente que um novo ano nos oferece uma tela em branco, uma oportunidade de começar de novo, mas logo percebemos que a mudança real não vem do exterior. Ao invés de tentar mudar o mundo ao nosso redor, devemos começar por nós mesmos. Somos nós que carregamos nossas bagagens emocionais, problemas e inseguranças para cada nova fase da vida. Não são as resoluções de ano novo que falham, mas sim nossa relutância em olhar para dentro e fazer as mudanças necessárias em nós mesmos. É hora de abandonar a falsa ideia de que precisamos mudar as circunstâncias externas para encontrar a felicidade. Em vez disso, devemos mudar nossa perspectiva e como reagimos ao que nos rodeia. Se queremos amor, devemos aprender a amar mais; se buscamos reconhecimento, devemos começar por reconhecer os outros. | A chave para alcançar o que desejamos está em dar o que queremos receber e em mudar nossa própria mentalidade. É fácil se perder em padrões negativos e reclamações intermináveis, mas precisamos lembrar que tudo o que experimentamos é um reflexo de quem somos e como escolhemos ver o mundo. Se queremos uma vida diferente, precisamos começar a pensar, reagir e responder de maneira diferente. Não podemos subestimar o poder de escolha que temos em moldar nossa própria felicidade. Mesmo nos momentos mais sombrios, devemos escolher ser conscientemente gratos e encontrar beleza ao nosso redor. E se sentirmos que não podemos fazer isso sozinhos, devemos ter a coragem de pedir ajuda e buscar mudança, seja em nossas rotinas, trabalho, cidade ou mentalidade. Portanto, que possamos nos comprometer a mudar a nós mesmos antes de tentar mudar o mundo. Pois só assim encontraremos a verdadeira realização e felicidade que tanto buscamos. Texto feito inspirado no livro "101 Redações que vão mudar a sua forma de pensar", de Brianna Wiest.  
Saiba mais
O poder transformador do 'Blue Mind'
  • Artigo publicado em:
  • Autor do artigo:Equipe Allcatrazes
  • Tag do artigo:Estilo de vida ao ar livre
  • Contagem de comentários do artigo: 0
O poder transformador do 'Blue Mind'
Estar perto da água é mais do que uma conexão, é um elixir para a mente e o coração | Por Gabriela Muller Em um mundo frenético e muitas vezes avassalador, a busca por momentos de calma e conexão com a natureza assume uma importância vital em nossas rotinas. Neste contexto, emerge a teoria do Blue Mind, um conceito desenvolvido pelo cientista marinho Wallace J. Nichols, que sugere que estar perto da água, seja o oceano, lagos ou rios, pode melhorar significativamente a saúde mental, reduzir o estresse e promover uma sensação de calma e felicidade. Este conceito foi popularizado ao longo dos anos através de estudos científicos publicados que comprovam sua veracidade. Por exemplo, o "Journal of Environmental Psychology" examina como o ambiente afeta o comportamento humano, evidenciando a ligação entre a proximidade com corpos d'água e o bem-estar emocional. Da mesma forma, pesquisas da Universidade de Exeter contribuíram para a compreensão dos benefícios psicológicos ligados à presença da água. Além disso, estudos sobre a relação entre atividades aquáticas, como natação e surfe, e os benefícios para a saúde mental, publicados em revistas científicas especializadas em saúde e psicologia, corroboram a ligação direta entre a presença da água e o nosso bem-estar emocional. A água, com sua serenidade e vastidão, possui o poder de acalmar nossas mentes tumultuadas e revitalizar nossas almas. Contemplar as ondas quebrando na praia ou sentir a brisa suave em um lago tranquilo pode nos conectar profundamente com o momento presente, proporcionando uma sensação de paz interior incomparável. A Allcatrazes se identifica muito com este tema, pois busca promover uma conexão profunda com a natureza, convidando vocês a abraçarem um estilo de vida do lado de fora, desfrutando das maravilhas naturais que o mundo oferece. Sempre prezamos por esta qualidade de vida e tentamos diariamente, através de nossos produtos, servir como um catalisador para inspirar vocês a se reconectarem com a natureza e a priorizarem momentos de tranquilidade e serenidade em suas vidas agitadas. Neste turbilhão da vida moderna, é fácil se perder na agitação incessante e esquecer a beleza que a natureza oferece. No entanto, ao abraçarmos o conceito do Blue Mind, somos convidados a reconectar-nos com a essência primordial que habita em todos nós. É uma jornada de redescoberta, uma oportunidade de reconectar com nossa própria humanidade e com o mundo ao nosso redor de uma maneira mais profunda e significativa. Permita-se incluir pequenos rituais de conexão com a água em sua vida diária e descubra a transformação que o Blue Mind pode trazer. Exemplos de práticas diárias para incorporar o Blue Mind: Meditação à beira de um lago ou rio, focando no som suave da água e na respiração tranquila. Caminhadas ao longo da costa, permitindo-se absorver a beleza e a serenidade do oceano. Banhos relaxantes em casa, utilizando essências que remetam à água para criar um ambiente calmante. Criação de um espaço de relaxamento em casa com elementos aquáticos, como fotos de paisagens marítimas ou fontes de água. Prática de ioga à beira de um rio ou em uma praia tranquila, incorporando movimentos fluidos e respiração consciente. Um passeio de bike na orla, perto de mares, lagos e rios.
Saiba mais
Em Busca da Felicidade
  • Artigo publicado em:
  • Autor do artigo:Equipe Allcatrazes
  • Tag do artigo:Rotina Atenta
  • Contagem de comentários do artigo: 1
Em Busca da Felicidade
Uma Reflexão Sobre Prazer, Graça e Excelência | Por Gabriela Muller Em um mundo acelerado, onde buscamos incessantemente a realização de metas e a conquista de objetivos, às vezes nos perdemos no que realmente é importante: que a verdadeira essência da felicidade reside na jornada, não no destino final. O ex-político e militar Eric Greitens tem um ponto de vista muito interessante sobre o assunto. Ele afirma existirem três tipos de felicidade: prazer, graça e excelência, e as compara com as cores primárias, que são fundamentais para criar um espectro vibrante. Greitens, atuando como um filósofo e humanitário renomado, oferece essa comparação que serve como um convite intrigante para repensarmos nossas prioridades e nos aventurarmos nas diversas paletas da vida. Assim como remover uma das cores primárias tornaria muitas outras impossíveis (sem o amarelo, você não teria nenhuma tonalidade de verde), da mesma forma, sem qualquer uma dessas formas de felicidade, é quase impossível prosperar. Uma não pode substituir a outra. Todas são necessárias. Mas ainda tentamos. A felicidade do prazer é em grande parte sensorial e nos transporta para os momentos de satisfação imediata. É uma boa refeição quando se está com fome, o cheiro do ar após a chuva ou acordar quente e aconchegante na cama. A felicidade da graça é a gratidão, se manifesta na apreciação do presente. É o reconhecimento do que temos, olhar para o lado e ver o seu amor dormindo ou sussurro sincero de um simples "obrigado". É quando se dirige a algo maior que você, expressando humildade e admiração. E então há a felicidade da excelência, que vem da procura por algo grandioso. Não no momento em que se chega ao topo da montanha e se levantam os punhos em vitória, mas no processo de se apaixonar pela tragetória. É um trabalho significativo e o propósito que molda nossa identidade. Greitens nos alerta para a armadilha de buscar substitutos temporários, como o excesso, quando a busca pela grandeza é negligenciada. A disciplina, a resiliência e a superação do desconforto inicial se tornam elementos essenciais nessa caça pela alegria duradoura. Beber em excesso, por exemplo, ou se entregar compulsivamente a compras desnecessárias, são formas de satisfação momentânea do prazer. Outros exemplos incluem constantemente ir atrás da validação externa nas redes sociais ou se dedicar exclusivamente ao entretenimento sem propósito. No entanto, esses prazeres superficiais são comuns quando a felicidade da excelência não está sendo buscada. Mas não é, e nunca será, a solução definitiva. | Os prazeres momentâneos nunca serão capazes de proporcionar uma sensação de plenitude verdadeira e duradoura. Ela consiste no trabalho do silêncio emocional. Requer consistência, intencionalidade e disciplina. Muitas vezes, é evitada devido ao desconforto imediato e à ausência de recompensa instantânea. Não há êxtase nos primeiros dias de treinamento para uma maratona, quando se sente o ardor nos pulmões e a vontade de vomitar. No entanto, com o tempo, as habilidades se desenvolvem e a visão do que pode ser alcançado se torna clara. Você acaba se apaixonando pelo processo. | Aqueles que nunca experimentaram o poder e a satisfação de trabalhar constantemente em direção a um objetivo, sem depender apenas da paixão, mas sim da determinação e consistência, não compreendem que após o esforço árduo há uma recompensa profunda. Muitos de nós negligenciam as alegrias e desafios do dia a dia por não construirmos uma base sólida. Queremos alcançar nossos sonhos, mas não estamos dispostos a dedicar horas diárias por anos a fio para alcançá-los. Queremos ser notáveis, mas não nos comprometemos com o esforço necessário para nos aprimorarmos ao longo do tempo. O bem-estar não se limita apenas a experiências sensoriais, mas também é a tranquilidade de saber que estamos nos tornando quem desejamos ser. Procurar a eminência não apenas traz realização, mas também molda nossa identidade. É como adicionar cores vivas ao espectro da vida, tornando-a mais vibrante e significativa. Em última análise, assim como a mistura equilibrada das cores primárias cria um espetáculo de nuances, a busca pela felicidade integral requer a harmonia entre o prazer sensorial, a gratidão consciente e a vontade incessante de evolução pessoal. Ao absorvermos as lições de Greitens, somos guiados para além da superficialidade das conquistas momentâneas, conduzidos a abraçar a jornada em sua totalidade. A alegria genuína, como uma paleta completa de cores, revela-se não apenas na surpresa dos sentidos, mas também na paz de espírito que emana do contínuo processo de nos tornarmos quem desejamos ser. Assim, instigados por essa filosofia, embarcamos juntos nesta trajetória fascinante à procura de uma vida verdadeiramente significativa.
Saiba mais
O que significa 'vida ao ar livre'? - Friluftsliv
  • Artigo publicado em:
  • Autor do artigo:Equipe Allcatrazes
  • Tag do artigo:Estilo de vida ao ar livre
  • Contagem de comentários do artigo: 0
O que significa 'vida ao ar livre'? - Friluftsliv
O Friluftsliv, um conceito enraizado na cultura de países escandinavos, principalmente a Noruega, transcende da mera ideia de uma atividade ao ar livre, sendo um estilo de vida que celebra o vínculo profundo com a natureza.
Saiba mais
O Equilíbrio entre FOMO e JOMO
  • Artigo publicado em:
  • Autor do artigo:Equipe Allcatrazes
  • Tag do artigo:Estilo de vida ao ar livre
  • Contagem de comentários do artigo: 0
O Equilíbrio entre FOMO e JOMO
Navegando Pelos Desafios da Conectividade Moderna | Por Gabriela Muller No cenário atual, marcado pela constante conectividade e influência das redes sociais, o dilema entre o FOMO (Fear of Missing Out) e o JOMO (Joy of Missing Out) se tornou uma dualidade que impacta significativamente a vida moderna. O medo de perder experiências importantes, alimentado pelo FOMO, muitas vezes rivaliza com o prazer de estar ausente, representado pelo JOMO. Neste contexto, é fundamental explorar os malefícios e benefícios de ambos, buscando um equilíbrio que proporcione uma vida plena e consciente. No universo digital, Sherry Turkle, renomada pesquisadora em tecnologia e sociedade, destaca que a constante conectividade pode nos distanciar da verdadeira introspecção. Suas pesquisas e contribuições ao campo da tecnologia e sociedade ressaltam como a sobreexposição online pode moldar uma narrativa superficial de nossas vidas, influenciando a maneira como percebemos o mundo ao nosso redor. Nesse contexto, a dualidade entre FOMO e JOMO adquire relevância, pois reflete não apenas a dinâmica entre presença e ausência, mas também a necessidade de preservar momentos autênticos de reflexão em meio à agitação digital. O FOMO, ao criar uma constante necessidade de estar presente em todos os eventos e nas redes sociais, pode levar a uma ansiedade crônica e à exaustão emocional. A busca incessante por validação online pode interferir na verdadeira essência da felicidade, levando a comparações prejudiciais e uma sensação constante de aprovação. Por outro lado, o JOMO oferece a libertação desse medo, permitindo que se aprecie a qualidade do tempo em detrimento da quantidade. Valorizar ocasiões de solidão e introspecção se torna uma ferramenta poderosa para o bem-estar mental e emocional.  Entretanto, é essencial reconhecer que ambos têm seu lugar em nossa jornada. O medo de perder alguma situação pode impulsionar a participação em experiências enriquecedoras, enquanto o prazer de não estar presente a todo momento pode proporcionar um refúgio valioso para recarregar as energias. O segredo reside na capacidade de discernir entre o que é genuinamente significativo e o que é apenas uma ilusão alimentada pela pressão social. Resumindo: a vida é uma busca constante por equilíbrio dos dois! Encontrar um meio-termo entre o FOMO e o JOMO é crucial para uma existência plena. É preciso abraçar as oportunidades de conexão e participação, mas também cultivar a habilidade de desfrutar da própria companhia e da quietude. A lição que emerge desse debate é a importância de se conhecer profundamente, compreendendo que a verdadeira felicidade reside na autenticidade e na aceitação do próprio ritmo. Ao abraçar o FOMO quando enriquecedor e acolher o JOMO quando necessário, construímos uma jornada rica em experiências significativas e momentos de paz interior.
Saiba mais
4 hospedagens para se refrescar e fugir do óbvio no verão
  • Artigo publicado em:
  • Autor do artigo:Equipe Allcatrazes
  • Tag do artigo:Allcatrazes Convida
  • Contagem de comentários do artigo: 0
4 hospedagens para se refrescar e fugir do óbvio no verão
Dicas valiosas de quem entende muito bem do assunto | Por Bruna Mendes - Airbnb No Sul Um riacho privativo na Clareira Cabanas l RS A Clareira Cabanas fica em Otávio Rocha, um distrito de Flores da Cunha, cidade que fica a poucos km do centro de Caxias do Sul. É o destino perfeito para quem quer fugir das estradas cheias em direção ao litoral e busca um destino refrescante, porque ambas cabanas estão imersas em meio a mata nativa e dentro da propriedade é possível acessar um riacho privativo.     Eles possuem duas acomodações, que apesar de próximas tem bastante privacidade. Ambas cabanas tem um deck com firepit, perfeito para curtir o fim de tarde, e janelas panorâmicas que transformam a natureza ao redor em grandes obras de arte. | Cabana 1 | Quartos: 01Hóspedes: 04Animais: PermitidoMédia das diárias: A partir de R$350* Link no site do Airbnb: https://www.airbnb.com.br/rooms/27226638    | Cabana 2 | Quartos: 01Hóspedes: 03Animais: PermitidoMédia das diárias: A partir de R$393* Link no site do Airbnb: https://ww.airbnb.com.br/rooms/892717763164570773   Instagram: www.instagram.com/clareiracabanas Um cinema ao ar livre na Cabana Gato do Mato l RS   Essa acomodação localizada na entrada de São Francisco de Paula tem um grande atrativo para as noites agradáveis de verão na serra gaúcha, um cinema ao ar livre com firepit! Já imaginou sair do calorão das grandes cidades para curtir um filme com uma cobertinha leve enquanto assa marshmallows no fogo? Essa é a experiência que a cabana gato do mato pode te proporcionar, além de ser um Airbnb completo que também conta com banheira de imersão e churrasqueira na área externa. Quartos: 01Hóspedes: 04Animais: PermitidoMédia das diárias: A partir de R$683* Link no site do Airbnb: https://www.airbnb.com.br/rooms/901552677928457985   Instagram: www.instagram.com/cabanagatodomato/ Uma praia particular na Vila do Elegante l SC Não consegue ficar longe da praia do verão? Eu te entendo 😅 A Vila do Elegante fica próximo ao acesso da Praia do Luz, que mesmo no verão é menos movimentada que as outras praias da região, e ainda tem acesso direto a lagoa de Ibiraquera, onde é possível tomar banho ou praticar esportes náuticos como stand up e canoagem. Dentro da propriedade eles possuem duas acomodações, uma casa para até 6 pessoas e uma cabana para até 2 pessoas. *O valor da diária pode variar de acordo com o período da sua estadia e com promoções e ajustes feitos pelo proprietário. Confira sempre no site do Airbnb. | Casa de Tijolo | Quartos: 03Hóspedes: 06Animais: PermitidoMédia das diárias: A partir de R$850*Link no site do Airbnb: https://www.airbnb.com.br/rooms/23092370  Cabana Quartos: 01Hóspedes: 02Animais: PermitidoMédia das diárias: A partir de R$393* Link no site do Airbnb: https://www.airbnb.com.br/rooms/932437468745266536 Instagram: www.instagram.com/villadoelegante/ Isolamento com conforto no Alto da Colina l RS Caraá é uma região ainda pouco conhecida do nosso litoral gaúcho, mas que vem se tornando um destino procurado por conta das belezas naturais como o Fervedor do Rio dos Sinos. Essa hospedagem é para quem quer conhecer um local diferente, ficar longe de tudo, mas contando com uma estrutura completa, porque o Alto da Colina oferece café da manhã incluso na estadia e um restaurante que serve almoço e jantar. A propriedade conta com 4 cabanas, todas com banheira, área para camping, fogo de chão e uma cachoeira privativa. | Cabana Pinheiros | Quartos: 01Hóspedes: 02Animais: PermitidoMédia das diárias: A partir de R$440*Link no site do Airbnb: https://www.airbnb.com.br/rooms/702005755451345963   | Cabana Açoita-cavalo | Quartos: 01Hóspedes: 02Animais: PermitidoMédia das diárias: A partir de R$440*Link no site do Airbnb: https://www.airbnb.com.br/rooms/822599132805673387    | Cabana Videiras | Quartos: 03Hóspedes: 06Animais: PermitidoMédia das diárias: A partir de R$440*Link no site do Airbnb: https://www.airbnb.com.br/rooms/645749689503155811   | Cabana Pôr do Sol | Quartos: 01Hóspedes: 02Animais: PermitidoMédia das diárias: A partir de R$440*Link no site do Airbnb: https://www.airbnb.com.br/rooms/1044382849781357958   Instagram: www.instagram.com/altodacolina.caraa   Confira mais dicas em de hospedagens em RS, SC, PR e UY em https://www.instagram.com/airbnbnosul/
Saiba mais
Segredos para atingir o equilíbrio no trabalho
  • Artigo publicado em:
  • Autor do artigo:Equipe Allcatrazes
  • Tag do artigo:Rotina Atenta
  • Contagem de comentários do artigo: 0
Segredos para atingir o equilíbrio no trabalho
Por Gabriela de Almeida Muller    Práticas de Yoga: posturas para fazer ao longo do expediente   Imagine um ambiente de trabalho onde a saúde e o bem-estar são prioridades, onde aprodutividade não é medida apenas em horas produzindo, mas também na qualidade dotempo investido.    Mais de sessenta por cento das doenças relacionadas ao serviço estão ligadas a lesões por esforços repetitivos, muitas vezes negligenciadas até se tornarem sérios problemas. Mas e se houvesse uma maneira de combater esses males desde o início?    A resposta pode estar na prática da yoga. Além de promover equilíbrio físico e mental, ela oferece um caminho para reduzir o estresse, melhorar a concentração e criar um ambiente de trabalho mais harmonioso, onde pausas para este hábito se tornam momentos revigorantes, aliviando tensões musculares e contribuindo para uma atmosfera mais saudável e produtiva.   Aqui vão algumas dicas para promover o relaxamento no escritório:   1. Postura relaxada Coloque as mãos atrás da cabeça e entrelace os dedos, solte os cotovelos e osombros, leve os cotovelos para trás, deixe a tensão sair de seu corpo, repita esteexercício ao longo do dia;     2. Cesta de basquete Levante os braços e alongue-os sobre a cabeça, entrelace seus dedos, vire as palmaspara baixo e para cima, alternando as direções;   3. Esticando as mãos: Primeiro alongamento - abra os braços e alongue-os para os lados, como sequisesse alcançar as paredes;     Segundo alongamento - braços abertos para os lados, incline-se lentamente para o lado, como um moinho de vento, alongue um dos deles para o chão e o outro para o teto.       Dica para aliviar a dor de cabeça! Coloque os dedos indicadores acima e no meio de cada sobrancelha. Mantenha esta posição, pressionando com os dedos. Feche os olhos e respire profundamente.       Esses exercícios simples podem se tornar verdadeiros aliados para aprimorar sua rotina. Contudo, é crucial não esquecer a importância dos intervalos para recarregar as energias. Reserve momentos na sua agenda para fazer um intervalo de cinco minutos após cada reunião ou até mesmo atividades mais prolongadas, como meditação pela manhã, um banho com sais perfumados à noite ou uma caminhada em volta do quarteirão. Permita-se renovar suas forças para retornar ao trabalho com plenitude e eficiência.    Lembre-se: você trabalhará melhor e renderá muito mais se fizer isso.   Texto feito com base no livro “Ioga no Trabalho: Exercícios Simples e Prazerosos para Energizar o seu Dia”, de Darrin Zeer, com as ilustrações de Michael Klein retiradas do mesmo.
Saiba mais
Desvendando o Medo
  • Artigo publicado em:
  • Autor do artigo:Equipe Allcatrazes
  • Contagem de comentários do artigo: 0
Desvendando o Medo
Por Catarina Weck Glashester   Aprender como ele funciona pode te ajudar a superá-lo.     Tenho me interessado cada vez mais pelo assunto “medo”. Venho lendo e pesquisando,tentando entender esse sentimento que tanto nos congela quando precisamosagir.   Descobri que o medo é um dos nossos sentimentos mais primitivos. Claro que, durante milhões de anos, o medo foi imprescindível para a nossa sobrevivência e evolução enquanto espécie. Porém, hoje essa nossa reação intuitiva tem dificuldade de entender que trocar de escola quando criança ou contar para aquela pessoa que você gosta dela não é a mesma coisa que fugir de um predador. Como reação ao medo, seja ele do que for, a parte primitiva do nosso cérebro tem três respostas: congelar, fugir ou lutar. Cada vez menos escolhemos a terceira opção.       Se tem algo que aprendi com a minha curiosidade em relação ao assunto, é que a coragemnão representa a ausência do medo, e sim agir apesar dele. Há alguns anos ouvi a seguinte frase, capaz de me marcar durante todo esse tempo:   “O que não te desafia, não te transforma”.   Desafiar está relacionado a provocar, a realizar algo que supostamente está acima da suacapacidade. Já a palavra transformar significa mudar a forma, converter, ou trocar; tornardiferente do que era.    Se você ficar parado, sem buscar desafios e novas experiências, dificilmente alcançará resultados distintos dos que vêm tendo. Desde então, tento direcionar ao máximo as minhas decisões para agir dessa maneira. Se nos dá medo, se nos desafia, no mínimo deve valer a pena pagar para ver.    O que não te faz perceber que você pode ir mais longe, não te tornará diferente do que jáés.   De muitas formas eu enxergo que a vela entrou e se mantém, até hoje, assim na minha vida. Com 16 anos, era um esporte do qual eu só havia ouvido falar, se tornou uma brincadeira deverão e rapidamente uma paixão, e então o meu maior hobby. De desafio em desafio, hoje encaro a vela como meu estilo de vida e meu caminho profissional. E a verdade é que, o que me encantou desde o início, foi o fato de eu nunca ter feito algo tão difícil naminha vida.     Eu me apaixonei pelo sentimento de me sentir capaz. Minha família não possui nenhuma tradição na vela, como é comum de se ter nesse esporte. Iniciei algo novo, sozinha, que só dependia do meu esforço e desempenho e aprendi a compartilhar as responsabilidades e conquistas disso tudo em uma modalidade de dupla. Também não posso contar essa história como se em algum momento eu tivesse um grande medo de água ou de vento. O que quero dizer é que o medo do desconhecido, de não se encaixar em um novo grupo, não ser boa em uma nova atividade, ter começado mais tarde do que o esperado, sentir vergonha de perguntar, pode te privar de momentos, ou até fases, incríveis da tua vida.    Outra coisa que aprendi nesse meio tempo é que o cérebro acaba sofrendo mais tentando prever as consequências ruins de uma determinada ação do que realmente experienciando algo ruim. Nossas memórias se recriam todas as vezes em que as revisitarmos, por isso aquele pesadelo que você teve quando era criança, o seu pavor de cachorro, ou aquele término horrível de relacionamento parecem ficar piores a cada vez que você se lembra deles. A única maneira de nos livrarmos desses medos e pavores é substituindo essa memória por uma positiva, ou seja, enfrentando de cabeça as coisas que mais nos assustam, e talvez descobrindo que o monstro embaixo da cama na casa da sua avó não existe, que nem todo cachorro morde e que conhecer alguém novo, não é tão ruim assim.   A real é que a gente nunca sabe o que está do outro lado da próxima porta que vamos abrir. Com certeza não vamos acertar sempre, mas será que não vale a pena subir alguns degraus a mais e dar uma espiadinha no que tem atrás de uma porta mais ao alto, antes de seguir reto?       Nota final: Te convido a conhecer mais sobre o assunto, como eu fiz, através do livro “A Força doMedo”. Meu Instagram é @bisglashester. No caso de realmente leres, por favor me diga oque achou! Boa leitura e até a próxima :)     
Saiba mais
Rumo a Novos Horizontes - Retrospectiva 2023
  • Artigo publicado em:
  • Autor do artigo:Equipe Allcatrazes
  • Tag do artigo:Allcatrazes Convida
  • Contagem de comentários do artigo: 0
Rumo a Novos Horizontes - Retrospectiva 2023
Por Gabriela de Almeida Muller Em um ano que buscamos expandir fronteiras, encontramos um novo caminho. Em 2023, a história da Allcatrazes ganhou um novo capítulo, marcado por uma trajetória audaciosa e cheia de desafios superados.  Nosso desejo por compartilhar o estilo de vida ao ar livre se expandiu para além do que imaginávamos. A essência de colecionar momentos transcendeu o universo da vela, alcançando quem busca por aventura e liberdade. Mantivemos firmes nossos laços com o esporte que tanto amamos, acompanhando com orgulho os campeonatos que moldam o cenário, desde os nacionais até os internacionais, saindo comopatrocinadores da REFENO, maior regata em milhas náuticas do país, indo até a SSL Gold Cup, mais conhecida como a Copa do Mundo da vela.            Ao mesmo tempo, ampliamos nossa linha com diversos produtos que incentivam os seus respiros do lado de fora e que acompanha aqueles que anseiam pela leveza de uma experiência outdoor. Nossa meta não é apenas estar presente em viagens, mas também na rotina, nos aproximando cada vez mais de quem compartilha dessa filosofia de vida. Sem falar da nossa Collab com Gabriela Dutra (Gabu), a criadora de conteúdo que trouxe o seu espírito aventureiro à edição especial da Mochila Alfa Bordô | NoPlanForTmr. Como um convite ao movimento, impulsionando a criação de histórias do lado de fora, algo que sempre buscamos passar através de nossos produtos.   Um dos grandes marcos deste ano foi o lançamento do projeto de apoio a impulsionadores, parceiros que, assim como nós, compartilham o desejo de viver intensamente e incentivar os que estão ao seu redor a colecionarem momentos únicos. A energia contagiante desses aliados não só impulsionou a marca, mas também amplificou a mensagem fundamental que queremos transmitir: um convite para abraçar a vida com leveza, com uma sede de aprender coisas novas evoluindo cada vez mais e colecionando memórias ao longo do caminho.       Em meio a tantas conquistas, também tivemos o privilégio de acompanhar de perto a incrível trajetória em solitário da Marina Bidóia antes, durante e após a REFENO, com registros inesquecíveis que ecoam a verdadeira essência da Allcatrazes, que estariam eternizados em nossas mentes assim como documentados em nosso Instagram e Blog, narrado pela nossa repórter da Allca - Bis. Como já havíamos mencionado, também marcamos presença na Star Sailors League (SSL) com a seleção brasileira de vela, não só com nossos produtos, como também torcendo e fazendo a cobertura deste evento em nossas redes sociais, destacando a determinação e o talento dos velejadores.        Esse último ano foi mais do que uma jornada. Foram lições, desafios e superações. Cada passo, cada conquista moldou não apenas a empresa, mas também a comunidade que construímos ao redor. Agradecemos a todos que vestiram não só a mochila e/ou produtos, mas o espírito da Allcatrazes, tornando-nos mais resilientes, fortes e preparados para as próximas aventuras. Que venham mais conquistas e mais momentos compartilhados do lado de fora, porque a nossa busca por novos horizontes continua a nos orientar por diferentes caminhos, mantendo sempre as mãos livres para abraçar cada desafio com paixão e determinação.   Quem continua nessa jornada com a gente? Conquistas de 2023 Criação de dois E-books em conjunto com a The Summer Hunter Projeto Impulsionadores, contando com a Catarina Glashester, a Bruna Mendes, o Daniel Neves e a Marina Bidóia Patrocinadores Oficiais da REFENO 2023, a maior regata do país Conteúdo exclusivo do barco MININA, da série "Solitária, mas acompanhada", aventura da Marina Bidóia, narrada pela Catarina Glashester Primeira viagem da equipe da Allca para realizar o editorial dos produtos novos na Vila Olinda  Apoiadores do 45º Campeonato Sul-Brasileiro de Optimist no Veleiros do Sul  Acompanhamos o time Brasil na SSL Gold Cup, fazendo a cobertura da Copa do Mundo da Vela +45 histórias e conteúdos compartilhados com parceiros Editorial e conteúdos em parceria com a Brazô Alimentos Expansão linha de produtos: 6 de fevereiro - Lançamento da Shoulder Bag com a The Summer Hunter  22 de abril - Mais uma edição da Linha Echo Vela com a Quantum Sails 3 de agosto - Lançamento da Capa de Chuva para as Mochilas Alfa e Bravo  29 de agosto - Lançamento da Capa de Notebook da Collab Micro Aventuras, em parceria com a The Summer Hunter 24 de outubro - Lançamento da Mochila Charlie e dos Organizadores de Mala 9 de novembro - Lançamento da edição especial da Mochila Alfa Bordô | NoPlansForTmr, em Collab com a Gabu
Saiba mais